sexta-feira, 29 de maio de 2015

VINHOS DA PENÍSULA DE SETÚBAL APORTAM NO RIO DE JANEIRO


II RONDA DOS VINHOS DA PENÍNSULA DE SETÚBAL NO RIO DE JANEIRO
Os vinhos da Península de Setúbal produzidos numa pequena área que fica ao Sul de Lisboa são espetaculares.
Sempre nos recordando da produção de vinhos generoso ou fortificado, a região elabora outros belíssimos vinhos como brancos, tintos e rosados, frisantes, licorosos e vinho para base de espumantes, isto nos traz a grata satisfação de desfrutar uma experiência sem igual.
A Península de Setúbal encontra-se em todo o estuário do rio Tejo diretamente ao sul de Lisboa, e ligado a Lisboa por duas pontes. O coração desta região litorânea é a península de Setúbal, entre as pontes do Tejo de Lisboa. 

A península também tem uma uva estrela, o Castelão, que domina os belos vinhos tintos de Palmela, sentindo-se muito mais em casa aqui do que no resto de Portugal.
Península de Setúbal de uma enorme variedade de uvas, nacionais e internacionais, e estilos de vinho.

De entre as madeiras da Arrábida são pastagens montanhosas para as ovelhas que produzem a deslumbrantes queijos de Azeitão, e vinhedos de uvas Moscatéis destinados a um dos vinhos doces clássicos de Portugal, DOC Setúbal. 
O Brasil precisamente o Rio de Janeiro em maio foi de novamente palco da II Ronda Enogastronômica dos Vinhos da Península de Setubal –CVRPS. 
Devido ao enorme sucesso do ano passado desta jornada mais produtores estiveram presentes: Brejinho da Costa (Brejinho da Costa); Sauvignon Blanc & Verdelho (Casa Ermelinda Freitas), Ameias Touriga (SIVIPA), Quinta do Piloto Reserva (Quinta do Piloto), Moscatel de Setúbal de preferência (Adega de Palmela), Adega de Pegões Colheita Seleccionada (Adega de Pegões) e Venâncio da Costa Lima Moscatel de Setúbal Reserva (Venâncio da Costa Lima).

O Brasil é um mercado estratégico para a região, por isso, desde o ano passado a entidade investe em promoções em território nacional. O presidente da CVRPS, Henrique Soares, conta mais uma novidade: o lançamento do ator português Paulo Rocha como embaixador da marca "Vinhos da Península de Setúbal".
Produtores da Península de Setúbal com o embaixador da marca na degustação seguida do almoço harmonizado pelo chef Roland Villard do Le Pre Catalan, Sofitel Rio de Janeiro.
A estratégia de internacionalização dos vinhos de Setúbal junto de mercados emergentes no caso o Brasil, tem conseguido aumentar as exportações. O vinho da península de Setúbal é um caso de sucesso que deve ser considerado e elogiado pela qualidade da sua produção. Atualmente os vinhos originários da Península de Setúbal são já considerados Embaixadores de Portugal mundo afora.
Navio-Escola Sagres celebra 75 anos com Vinhos Península de Setúbal.




Edição de Texto e Fotos
Leila Bumachar
Fontes
www.moscateldesetubal.pt
Interação Rede de Comunicação www.redeinteracao.net.br
www.vinhosdapeninsuladesetubal.pt/CVRPS
www.vinhosdapeninsuladesetubal.pt